Séries médicas para quem ama Grey’s Anatomy

O melhor do cinema em sua casa

Séries médicas para quem ama Grey’s Anatomy - SKY TV

Grey’s Anatomy é um sucesso absoluto na TV mundial. Iniciada em 2005, a série apostou nos dramas cotidianos de uma equipe de médicos cirurgiões e o relacionamento com seus supervisores. Criada por Shonda Rhimes, gerou uma legião de fãs fiéis com o passar dos anos.

Para quem não vive sem Grey’s Anatomy e até sofre no intervalo entre as temporadas, temos uma seleção de séries ambientadas no mundo da medicina. Confira os dramas e histórias comuns que se desenrolam nos corredores dos hospitais.

Séries médicas para quem ama Grey’s Anatomy

SKY - A GENTE SE DIVERTE JUNTOS

1 - The Good Doctor : O Bom Doutor

Iniciada em 2017, The Good Doctor: O Bom Doutor é um remake de uma série sul-coreana de sucesso. Produzida pela Sony Pictures, acompanha a rotina do Dr. Shaun Murphy (Freddie Highmore), jovem cirurgião recém formado, que traz uma particularidade especial. Ele sofre de autismo e síndrome de Savant, o que causa ceticismo por parte de vários colegas.

Apesar de seu talento e de sua colocação em um hospital de prestígio, sua condição é o mote para diversos conflitos que carregam o desenvolvimento da série. The Good Doctor: O Bom Doutor tem recebido ótimas críticas e sua audiência crescente garantiu sua continuidade, sob o comando do showrunner David Shore, o que já puxa a próxima série da lista.

2 - Dr. House

David Shore criou uma das mais famosas e queridas séries do mundo da medicina. Dr. House começou em 2004 e terminou oito temporadas depois. Ainda que seu final tenha decepcionado grande parte do público, seu personagem principal, o Dr. Gregory House (Hugh Laurie) ainda é lembrado com carinho e deixou saudades.

A genialidade e o comportamento antissocial do médico manco, cuja única motivação era resolver casos insólitos onde ninguém via a solução, aproximou os episódios de narrativas de detetive. Isso, mais o carisma de seu protagonista, rendeu episódios e arcos dramáticos memoráveis.

3 - Sob Pressão

Para quem prefere a nossa realidade, Sob Pressão é um drama médico na medida. Iniciada em 2017 e trazendo Júlio Andrade e Marjorie Estiano nos papéis principais, a série é ambientada em um hospital do Rio de Janeiro e traz algo mais, além de dos dramas pessoais de doutores e pacientes em situação difícil.

Evidentemente, a precariedade do nosso sistema de saúde, um drama bem conhecido pelo público brasileiro, também é um obstáculo para o trabalho diário. É exatamente isso que adiciona camadas à série criada por Jorge Furtado e Renato Fagundes.

4 - Code Black

Com três temporada de vida, Code Black acompanhou a rotina de uma ala de emergência de um hospital de Los Angeles. O enfoque na urgência e nas dificuldades enfrentadas pelos profissionais acaba até mesmo aproximando esta série da brasileira Sob Pressão. No caso, o tal código do título faz referência à situações extremas, como número alarmante de pacientes.

À frente do elenco, a experiente e premiada Marcia Gay Harden valorizou o conjunto, que traz tudo que os fãs de dramas médicos apreciam. Independente da sua curta duração, Code Black tem tudo para agradar esse tipo de público.

5- Chicago Med: Atendimento de Emergência

Este é mais um caso de sucesso entre as séries procedurais de medicina. Chicago Med: Atendimento de Emergência segue de perto as fórmulas que conquistaram o público. Iniciada em 2015, acompanha um grupo de especialistas altamente gabaritado. Em meio aos difíceis casos do dia a dia, acompanhamos detalhes das vidas pessoais dos protagonistas.

Um dos diferenciais de Chicago Med: Atendimento de Emergência é que seus roteiros são baseados em casos reais, um detalhe que aumenta o envolvimento do público consideravelmente. O criador, Michael Brandt, também é responsável por outras séries ambientadas em Chicago, abordando o serviços essenciais, como Chicago Fire e Chicago P. D.

6- Estética

Antes de Ryan Murphy criar Glee e American Horror Story, ele chamou atenção com Estética, que durou seis temporadas até 2010, uma série que aborda o mundo da medicina por outro ângulo bem diverso. A cirurgia plástica é o enfoque para contar histórias mais sombrias, sem espaço para os dramas comoventes de outras séries sobre médicos.

É claro que existe uma crítica dentro da premissa da série, a respeito dos exageros que existem no mundo da cirurgia plástica, seguindo a rotina de uma dupla disfuncional de doutores sócios em uma clínica. Para quem quiser curtir um conteúdo mais reflexivo e ácido em seu questionamento, Estética é uma série perfeita.

7- The Resident

Mais um caso que segue de perto a fórmula, com alto potencial de agradar os fãs de Grey’s Anatomy. The Resident acompanha uma equipe de médicos no Chastain Memorial Park Hospital, em Atlanta. O grupo enfrenta os desafios comuns do dia a dia na profissão, enquanto equilibra os problemas da vida pessoal.

Uma das criadoras de The Resident, Hayley Schore, por acaso, também fez parte da equipe de roteirista da já citada Code Black. Ou seja, alguém que que tem experiência na dramaturgia do mundo dos dramas hospitalares e sabe exatamente o que o público específico deseja.

8- Scrubs

Com abordagens menos tradicionais aparecendo no mundo da medicina televisiva, nada mais natural que uma comédia também aparecesse. Scrubs, que durou de 2001 a 2010, é criação de Bill Lawrence, que investiu em um clima nonsense para divertir o público com uma história de um jovem médico em formação, vivido por Zach Braff.

Com personagens carismáticos e situações absurdas, Scrubs divertiu o público, equilibrando a parte mais sensível que se espera nestas histórias com um ar cômico mais juvenil. Isso sem perder a mão, subestimar a parte adulta da audiência ou fugir da clara proposta inicial da série.

9 - ER: Plantão Médico

Finalmente, a série que inaugurou um dos segmentos mais bem sucedidos da TV norte-americana. ER: Plantão Médico teve quinze temporadas, de 1994 a 2009, revelou George Clooney e abordou as dificuldades de um hospital público, o Chicago’s County General Hospital.

Criada pelo escritor best-seller Michael Crichton, ER: Plantão Médico mostrou que o enfoque mais pessoal nos profissionais médicos e de enfermaria poderia agradar ao público. Pela sua longevidade, mais a quantidade de séries similares que vieram depois, só podemos concluir que ele tinha razão.

Assine SKY TV e aproveite essas e outras séries

Quer conhecer os pacotes SKY TV por assinatura? Veja abaixo uma seleção dos nossos planos, para toda família curtir as melhores séries.

 

Conheça nossos pacotes:

sky pos pago
sky pós pago
sky pre pago
sky pré pago
sky internet
sky internet

 

Leia também: