As séries mais polêmicas de 2020 até agora



Assistir a séries é ótimo, não é mesmo? Principalmente quando a gente acerta na escolha e os primeiros episódios já nos fisgam de um jeito irresistível, até o encerramento. Porém, no meio de tantos seriados no ar e estreando neste momento, qual seria um critério legal para escolher? Essa é uma dúvida bem comum, especialmente quando terminamos de ver alguma que nos agradou bastante e estamos querendo mais.

Pois bem, não existe uma resposta exata e objetiva para isso, mas o barulho que algumas séries provocam na mídia pode ser um bom termômetro do que vale ou não arriscar. E nem estamos falando de contratação de elenco ou nada assim. Às vezes, a polêmica que determinado assunto traz à tona já aguça nossa curiosidade e dá o impulso que faltava.

Então, conheça agora algumas séries polêmicas neste ano de 2020. Séries novas ou ainda em produção, que deixaram e ainda deixam o público de orelha em pé. Não apenas pelos temas desenvolvidos, como também pela própria iniciativa em si. Confira nossa lista e escolha o que assistir logo mais.

As séries mais polêmicas de 2020 até agora

1 - The Plot Against America

HBO não poderia faltar em uma lista de séries polêmicas. The Plot Against America é uma minissérie com seis episódios, adaptada do livro de Philip Roth, trazendo um cenário alternativo da história dos Estados Unidos. E se o antissemita Charles Lindbergh tivesse derrotado Franklin Delano Roosevelt na disputa presidencial de 1940, antes da entrada do país na Segunda Guerra?

David Simon, criador da clássica série policial The Wire, desenvolveu essa premissa que é um estudo sobre o autoritarismo. Mais do que pertinente em 2020, The Plot Against America tem um conteúdo explosivo para as discussões dos dias atuais e é imperdível. O padrão de qualidade HBO quase nunca decepciona.

2- Mrs. America

A premiada Cate Blanchett é a figura que chama atenção nesta série produzida pelo canal FX, interpretando a personagem real Phyllis Schlafly. Esta minissérie em 9 episódios cobre a cruzada da protagonista por uma causa bem pouco nobre, já que ela era uma ativista conservadora que se posicionou contra as emendas de igualdade de gênero durante a década de 1970. Uma premissa que já chama atenção naturalmente.

A atriz sempre dá um show em qualquer papel e aqui encarnou uma personagem complexa, explorando as contradições de uma mulher anti-feminista. Uma história que provoca a discussão naturalmente, valorizada por uma produção competente e que não foge de tocar em temas delicados e necessários. Daquele tipo que sempre gera um papo mais inflamado.

3- McMillions

Mais HBO engrossando a lista. As grandes corporações sempre fornecem muito material para produções audiovisuais, seja na ficção ou, como neste caso, no documentário. Em seis episódios, a série documental cobre um escândalo envolvendo o McDonalds durante a década de 1990, quando um jogo de Monopoly – o nosso Banco Imobiliário – era oferecido aos clientes e rendia prêmios que iam de lanches grátis até milhões de dólares.

Houve uma fraude que acabou exposta, envolvendo até mesmo um ex-policial. A vida real é, às vezes, tão ou mais interessante que a ficção. Ainda mais quando podemos analisar esses casos com distanciamento histórico, graças a documentários ótimos como esse.

4- Penny Dreadful: City of Angels

Esse é um caso em que a polêmica não gira em torno do tema, mas da iniciativa em si. Penny Dreadful apareceu em 2014 pelo canal Showtime, com a interessante premissa de um universo compartilhado entre os monstros clássicos da Literatura. Em três temporadas, a série se perdeu em ideias equivocadas e acabou cancelada, para desespero de quem adorava o clima sombrio da Inglaterra Vitoriana.

Eis que 2020 apresenta um spin off tardio, chamado Penny Dreadful: City of Angels, ambientado nos anos 1930 e investindo em uma trama detetivesca. A história da fundação de Los Angeles faz parte do pano de fundo sobrenatural, trazendo Natalie Dormer, de Game of Thrones, no papel principal. Uma produção questionável, do ponto de vista criativo, mas é certo que alguns vão defender e discussões vão rolar.

5 - American Crime Story

Iniciada em 2016, American Crime Story é criação do bem sucedido Ryan Murphy, que aqui resolveu elaborar dramaturgia com histórias de crimes reais, fechadas em cada temporada. A primeira foi sobre o caso O. J. Simpson, a segunda sobre o assassinato de Gianni Versace, o que já rendeu muita polêmica. Antes mesmo de estrear a terceira, ela já está dando o que falar.

Com o subtítulo Impeachment, o terceiro ano de American Crime Story vai seguir o escândalo que quase derrubou Bill Clinton da presidência dos EUA nos anos 1990. Os bastidores do poder sempre são uma ótima fonte para roteiristas e o caso em questão é bastante controverso, então vamos aguardar. Certeza que vai render conversas acaloradas dentro e fora da internet.

6 - Rick And Morty

Uma das mais queridas animações da atualidade estreou modestamente no ano de 2013, sem muito barulho. Conquistando uma legião de fãs em duas temporadas e teve um hiato até sua retomada em um terceiro ano. E por que estamos falando dela em uma lista de séries polêmicas de 2020? A quarta temporada de Rick and Morty foi lançada este ano e a cada ano eles tentam ir além. Os novos roteiros podem arrepiar os cabelos dos mais conservadores.

Nada escapa da acidez dos roteiristas, então é bom se preparar para piadas com conteúdo sexual explícito, como também uma tiração de sarro direta a crenças religiosas. Tudo isso temperado com o carisma incontestável do cientista boca suja e beberrão Rick, sempre acompanhado pelo neto ingênuo Morty.

7- Family Guy

Também conhecido no Brasil como Uma Família da Pesada, estreou na FOX em 1999 e continua em produção em pleno 2020. Durante essas mais de duas décadas, o que era visto apenas como um plágio dos Simpsons pela sua própria emissora ganhou vida própria e segue chocando o público com sua ousadia nas piadas. É exatamente essa disposição ao longo dos anos que justifica sua inclusão nesta lista.

A criação de Seth McFarlane ainda rende polêmica e, pelo que parece, vai continuar neste caminho por um bom tempo. Extremamente indicada para quem passa longe do politicamente correto e, de quebra, gosta de ver o circo pegar fogo nas discussões da Internet.

Assine SKY TV e assista a isso e muito mais

Assine SKY agora mesmo. Com os pacotes SKY TV por assinatura, usuários tem acesso a todo esse conteúdo de séries e muito mais. Confira alguns dos nossos planos a seguir.

  • EASY HD - São mais de 135 canais, com os melhores canais e opções para toda família, com 1 ou 2 equipamentos SKY e canais em HD.
  • FUN PLUS HD - São mais de 181 canais, com os melhores canais e opções para toda família, com 1 ou 2 equipamentos SKY e canais em HD.
  • MEGA PLUS HD - São mais de 196 canais, com os melhores canais e opções para toda família, com 1 ou 2 equipamentos SKY e canais em HD.
  • COMBO PLUS HBO HD - São mais de 204 canais, com os melhores canais e opções para toda família, com 1 ou 2 equipamentos SKY e canais em HD.
  • COMBO PLUS TELECINE HD - São mais de 202 canais, com os melhores canais e opções para toda família, com 1 ou 2 equipamentos SKY e canais em HD.

Fale agora mesmo com um atendente da SKY

Telefone da SKY

Televendas SKY: 0800 106 1111
Promoções SKY telefone: 0800 106 1111
Atendimento SKY para clientes: 106 11
SKY TV telefone: 0800 106 1111
Dúvidas e reclamações - SKY SAC: 106 11
SKY Internet número: 0800 106 1111

Saiba mais sobre os pacotes da SKY

  • SKY Pós Pago
  • SKY Pré Pago
  • SKY TV
  • Confira o telefone SKY